Últimas

Haddad: “vou até a enfermaria” para debater com Bolsonaro

O eleitor brasileiro não merece ser governado por quem foge da conversa

“Vamos fazer uma campanha propositiva e demarcar as diferenças entre projetos. Agora, meu adversário precisa participar dos debates. Eu estou disposto a ir até uma enfermaria se for preciso para debater o Brasil. Ninguém pode ser eleito sem apresentar as suas propostas ao povo.”

 

Quem disse isso foi Fernando Haddad nesta quarta (10). Ele está preocupado porque, a 18 dias para definirmos o futuro do país nas urnas, seu rival parece estar fugindo da discussão.

Agora é o momento de mostrar aos brasileiros claramente o que pensam os candidatos, quais seus planos para o futuro do país, e debater construtivamente.

 

Infelizmente, parece que apenas um lado tem competência, coragem e vontade para isso.

 

LEIA TAMBÉM