Últimas

Ficha limpa? Guru de Bolsonaro é suspeito de fraude de “apenas” R$ 1 bilhão!

Haddad manda a real: "Paulo Guedes é o Temer piorado"

O guru econômico de Bolsonaro, Paulo Guedes, foi indiciado pelo Ministério Público por suspeita de fraudes financeiras no valor de mais de R$ 1 bilhão.

As fraudes envolveriam fundos de pensão, em uma complicada arquitetura financeira, entre os anos de 2009 e 2013. A investigação está em andamento.

 

O deputado Bolsonaro disse confiar em Guedes para resolver qualquer assunto econômico, caso seja eleito presidente do Brasil, já nomeando o investidor como seu futuro ministro da Fazenda.

 

A insistência de Bolsonaro em citar Guedes quando perguntado sobre detalhes de qualquer tema econômico fez o investidor ser chamado de “Posto Ipiranga”. O apelido é uma referência ao fato de que é possível comprar uma grande variedade de produtos no local.

Guedes se manifestou sobre dois temas econômicos recentemente. Ele é a favor de mudar as regras para o Imposto de Renda, cobrando de todos 20%, independentemente de quanto se ganhe. Ele também defendeu a criação de um novo imposto, semelhante à CPMF, que taxe TODA transação comercial feita.

 

Como disse Haddad, “Guedes é Temer piorado”, por ser também contra o povo, mas ter métodos ainda mais arrasadores.

LEIA TAMBÉM