Últimas

Em SP, dezenas de milhares ocupam o Largo da Batata por Haddad e a democracia

'Você vai tomar uma surra domingo, Bolsonaro!'

Dezenas de milhares foram ao Largo da Batata, em Pinheiros (SP), participar do Grande Ato da Virada com Fernando Haddad e Manuela D’Ávila nesta quarta (24).

 

A militância vem sendo fundamental para as boas notícias que surgiram com a mais recente pesquisa do Ibope. Ela mostrou que a rejeição a Haddad vem derretendo, a de Bolsonaro aumentando e o candidato do PT já lidera em São Paulo.

 

A onda de otimismo democrático também foi convidada de honra na festa em São Paulo. Haddad pegou o microfone e falou uma coisinha ou outra para os presentes:

 

“A eleição de Bolsonaro estava decidida até dois dias atrás.
Hoje é provável. Amanhã será apenas possível.
No sábado ele vai descobrir que o gato subiu no telhado.
E no domingo, vai ver que perdeu!”

Fala sério essas imagens aéreas, não?

 

Haddad lembrou os presentes do horror que representa a candidatura desse homem.

“Ele ameaça as instituições, o Ministério Público, o Supremo, a Justiça, movimentos sociais. Ele não defende a democracia e o povo brasileiro”.
“Ele é o grande coitado! O parlamentar mais improdutivo da história deste país. Vinte e oito anos sem fazer nada, a não ser vomitar ódio a cada discurso que faz”.

Ele finalizou mandando um recado para o único candidato na história deste país que se recusou a debater com o adversário num segundo turno presidencial.

“Você vai tomar uma surra do povo brasileiro no domingo. Este país é muito melhor do que você!”

LEIA TAMBÉM